sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

EnTrEm, PoR fAvOr!


Hmmmm... dia cansativo esse! Eu estou me deliciando obrigatoriamente com o gosto amargo das horas, tudo parece igual ao minuto atrás!
Pra tudo nessa vida necessitamos de tempo... hora de ser gerado, hora de nascer, viver e morrer... e o tic-tac ainda continua, como se nada fosse com ele!

É do tempo à culpa de me sentir angustiada.
É do tempo à cura das feridas, das alegrias... tudo ao seu tempo.
Tempo de verdades, mentiras...
Certas verdades magoam, mas hoje preferi ouvi-las esquecendo que tenho no peito um sentimentalista nato...
Miragens, visões.... isso é tão mesquinho (porque vejo coisas onde as não existem?), a decepção é sempre maior, independente das justificativas.
Ah, chega de falar entrelinhas, voltemos ao tempo real.

Afinal tudo que falei, sempre foi importante para mim, mas retiro aqui minhas palavras, meus júbilos ao sol... me arrependo da cilada, só isso.
Quero pensar que o tempo me trará um amanhã melhor, um dia especial... uma felicidade a mais, pois é hora de acrescentar coisas boas e realmente importantes nessa minha vida.

O tempo está do meu lado agora... hmmmm, como isso é importante.
Tempo de cuidar de mim, sem pressa. Tempo de reabilitação emocional...
Tempo de abrir as portas e deixar a felicidade se aconchegar, com todo carinho!!!

Bitokas
Jana

2 comentários:

Serena Flor disse...

E com certeza ela chegará e se aconchegará minha querida!
O tempo as vezes é vilão, mas também é companheiro. Só depende de nós.
Um grande beijo e ótimo fim de semana.

Pleiba disse...

Eu vou entrar... hahaha
a tempo pra tudo nessa vida!
a tempo pra amar...
Bjuz