sábado, 21 de março de 2009



A impaciência está em mim hoje. Dormi mal, acordei pior ainda...
Uma coisa dentro do peito, um aperto (o que será que virá??).
Espero que nada, pois não ando muito bem ultimamente. Acho que estou doente da alma, pois ela chora todos os dias, fica quieta, triste, sem vida...
E eu não posso ajudá-la, nada posso fazer...

Deus é meu oxigênio nesse desespero, busco-o como se tivesse afogando em mim.
Preciso de tempo para colocar as idéias no lugar, para apagar certos erros, perdoar a mim mesma por me permitir que fique assim.

Ah, poxa! Eu estou triste e não vou mentir quanto a isso.
É algo que nem sei porque me faz sentir dessa forma, desvalorizando tanto minha paz de espírito. Acabo como o tempo lá fora, opaco e cinza (e por coincidência, esta cor simboliza a tristeza).
Hoje não quis nem ver o mundo da janela do coletivo lá fora e muito menos observei as pessoas, os lugares... Eu estava e estou em silêncio profundo, ALGUÉM ME TIRE DAQUI!!

Ao mesmo tempo em que quero alguém, hoje... só hoje eu prefiro a solidão. Pois nada dessa terra irá compreender essa escuridão. Afinal “a espiritualidade é como o vento... todos sentem, mas nunca o vêem”.



P.s.; Buscando um lado positivo em meio a tanta negatividade que estou sentindo hoje, deixo abaixo um texto otimista que acabei de ler em um livro bacana que iniciei a leitura ontem...



Na infinidade da vida onde estou,
tudo é perfeito, pleno e completo.
Acredito num poder muito maior do que o ‘eu’ que flui
através de mim cada momento de cada dia.
Abro-me a sabedoria interior,
Sabendo que existe apenas uma Inteligência neste Universo. Desta Inteligência vêm todas as respostas, todas as soluções, todas as curas, todas as novas criações.
Confio neste Poder e Inteligência,
Sabendo que seja o que for que eu precise vem a mim na hora, no espaço e na seqüência certos.
Tudo está bem no meu mundoo.
(Louise L. Hay)

p/ by Jana


Nenhum comentário: