quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

NoSsAs DeCisÕeSs





O que falar da vida, do mundo, das pessoas há exatamente 13 dias para a virada do ano?
Descobri que não tenho muita coisa pra dizer não. Tudo me surpreendeu neste ano, as canalhices, os atentados, a política sem-vergonha de muitos, as tragédias (naturais e as causadas pelas mãos de pais, mães, madrastas)... Óbviamente, não tenho muito o que comentar.
Seria isto um aperitivo para o que ainda está por vir?
Sabe lá Deus!

Ninguém pode desenhar o ano novo diferente, ninguém pode acreditar que “o ano novo cochila dentro de você” (eis que os marketeiros de plantão jogam essa frase todo final de ano em uma certa propaganda aí).
Tá, tudo bem... A poesia chama-se “Receita de Ano Novo” e se mostra muito tocante, mas será que esse ‘espírito de solidariedade’ toca os corações alheios apenas nesta época, de confraternização??
Ah, acho uma tremenda sacanagem!

Eu... você...nós.... temos a obrigação de sermos ‘bonzinhos’ sempre. Afinal, não são as atitudes e pensamentos positivos que mudam tudo, que realmente fazem a diferença? Sim, claro.
Mas não. Basta o velho ser passado de fato e o novo surgir e com ele vem impregnado suas manias tolas de sempre... Inveja, desamor, individualidade (e uma lista enorme de maldades) e no peito aquela velha frase pendurada: “Cada um por si, e Deus pra todos”.

Lamentável.

Falo de obrigações, pois acredito que todo ser racional que tem sua crença, que tenha sua fé estabelecida mereça retribuir ao seu Deus ou aos seus Deuses (no meu caso, Jesus Cristo é claro, meu único salvador), as coisas boas lhe ofertadas. A começar por sua vida, uma dádiva, um presente dos céus. Agradeça por sua saúde absoluta e a sua alegria constante.
Ops, temos as ventanias, os temporais... mas tudo se é passageiro. Basta acreditar!

Sou fraca, sei que também desanimo. Mas me levanto sempre.
Gostaria de acreditar e faço votos positivos para que os 365 dias que virão sejam mesmo diferentes...
Que não tenhamos mais tanta sacanagem pelo mundo, que as pessoas sejam mais sinceras e positivas, sejam participativas, solidárias, amorosas para com o próximo, sejam enfim, verdadeiras.
Não é difícil agir assim.
Mas infelizmente ou felizmente o caráter nasce com você, logo nos primeiros suspiros...
O seu lado bom e ruim está ali, numa briga constante e sem tréguas...
MOSTRE A SI MESMO A SUA ESCOLHA e seja FELIZ!

Buenas Tardes (quase noite) GaleraaaAAaaa
BitokinhaAsSss TotosaSs
de: Jana
17:25h